Atualidades



A violência é a imagem de marca do nosso século. Espraia-se em todos os níveis da sociedade, manifestando-se em diferentes intensidades. O homem, violento, esqueceu o Norte da divindade e procura na violência uma saída para a procura da sua felicidade. Um paradoxo, que o Espiritismo vem ajudar a resolver.


A cena não podia ser mais comovente, com a jovem mãe a falar do seu pequeno filho, projetando junto de uma amiga sua, o futuro do pequerrucho que brincava nos baloiços com outros pequenotes. Dizia ela que gostava muito que o filhote fosse médico, pois era uma profissão que lhe garantiria o sustento.

Leia mais...


Demócrito é um pensador da Grécia Antiga, nascido em 460 a.C. em Abdera, e morto em 370 a.C., portanto com 90 anos (muito antes de Cristo).

Ele escreveu diversos livros, mas sua fama decorre principalmente de ter sido ele o primeiro expoente da teoria atômica, afirmando que tudo o que existe é composto por elementos indivisíveis chamados átomos.

Leia mais...


Temos assistido nas últimas semanas a um preocupante surto de casos de bebês nascendo com problemas variados na formação cerebral, em especial com microcefalia (cérebro e caixa craniana de diâmetro menor do que o normal) e calcificação (crânio calcificado prematuramente, impedindo o crescimento cerebral), causando dificuldades variadas para essas crianças nos campos neurológico, psíquico e motor.

 

Leia mais...

Adésio Alves Machado

Desamparo, mendicância, crianças abandonadas, doentes sem assistência médica e psicológica, velhos desabrigados formam todo um contingente de irmãos necessitados de sobrevivência material/moral/espiritual.

O número sempre crescente de cristãos/espíritas vive sensibilizado pela dor alheia, sentindo em si a dor do semelhante, fazendo suas as lágrimas por ele derramadas. Ele, o espírita, é parte desta coletividade, e o que ela sente, o atinge doridamente; não pode ser de outra forma.

Muitas vezes passa pela nossa cabeça cristã o desejo de encontrar uma solução imediata para essas situações envolvendo irmãos e irmãs em humanidade, quando a todos desejamos a felicidade relativa que o mundo pode, apenas, oferecer.
Criar uma nova casa assistencial dotá-las das melhores condições para abrigar crianças e idosos, expressando a vivência da legítima caridade, leva ao candidato a cristão/espírita a pensar, falar e realizar assistência social.

Estão sempre sendo abertas aqui e ali obras assistenciais respeitáveis, com capacidade de aliviar muita dor e sofrimento, que aflige os menos dotados de recursos amoedados.

Leia mais...

É natural que queiramos saber a visão espírita sobre o carnaval. O que o Espiritismo diz sobre o assunto?

Opiniões materialistas de apoio e espiritualistas de condenação reforçam a consagrada dicotomia entre o mal e o bem, a sombra e a luz, o errado e o certo, o material e o espiritual. A visão maniqueísta do a favor ou do contra, do conflito entre dois lados opostos, é tendência comum para registrar o posicionamento de adeptos e críticos ante a curiosa temática.

Por mais que argumentemos, eis uma questão que continuará suscitando acerbas discussões durante muito tempo, até que ela deixe de ter importância. Ainda não é a nossa situação. Falar sobre o carnaval é necessário, pois vivemos a festividade anualmente, com data marcada: a mais comemorada e outras tantas, que se prolongam no decorrer do ano em várias regiões do país e do planeta.

Para que possamos entender melhor o tema, é necessário que percebamos o seu real significado. A par de todas as movimentações de planejamentos e preparativos, ações e zelo – que denotam certa arte e cultura na apresentação de desfiles com seus carros alegóricos e foliões -, somadas as festividades de matizes diversificados, em que grupos se reúnem para comemorações sem medida, não podemos deixar de reconhecer que o carnaval é uma festa espiritual.

Leia mais...

Um neurocirurgião americano nunca acreditou em vida após a morte até passar por uma experiência dramática. Ele entrou em coma profundo, teve visões de uma espécie de paraíso, e voltou convencido de que existe vida do outro lado.

O que existe depois que a vida acaba? Para o neurocirurgião Alexander Eben, a morte sempre significou o fim de tudo. Ele entende do assunto: foi professor da escola de medicina de Harvard, nos Estados Unidos, e há mais de 25 anos estuda o cérebro.

Sempre tinha uma explicação científica para os relatos dos pacientes que voltavam do coma com histórias de jornadas fora do corpo para lugares desconhecidos. Até que ele próprio vivenciou uma delas. E agora afirma: existe vida após a morte.

Era 10 de novembro de 2008. O doutor Alexander é levado às pressas para o hospital, com fortes dores de cabeça. Ao chegar lá, é imediatamente internado na UTI. Em poucas horas já estava em coma profundo.

Leia mais...

 

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...