Entrevistas

Ana Rosa Guy Galego Corrêa, nasceu em Promissão – SP, residindo atualmente na cidade do Rio de Janeiro. Conhecida atriz de novelas, filmes e teatro, tem realizado importantes trabalhos na arte espírita divulgando com elegância, competência e garra os postulados espíritas dentro dos meios que atua. Nas décadas de 70 e 80, participou das atividades do Grupo Espírita Batuíra em São Paulo. No Rio de Janeiro de 1985 a 2004 participou do Seara Fraterna, que fica no Catete e atualmente exerce atividades no CEJA – Centro Espírita Joanna de Angelis, na Barra da Tijuca. Ana Rosa conversou conosco:

Você é espírita desde quando?
De carteirinha, desde 1976.

Exerce algum cargo na instituição espírita que participa?
Sou médium passista e ministro o curso sobre o Evangelho Segundo o Espiritismo.

E suas atividades profissionais. Pode nos dizer sobre elas?
Atriz, produtora e diretora.

Possui algum livro publicado?
Sim. E o título é “Essa louca televisão e sua gente maravilhosa”. Foi publicado em 2004.

Leia mais...

Guaraci de Lima Silveira

Adenáuer Novaes nasceu em de 1955, em Acajutiba, no sertão da Bahia. Formou-se em 1981 em Engenharia Civil. Concluiu o curso superior em Filosofia em 1986 e em Psicologia em 1997. Teve seu primeiro contato com o Espiritismo na adolescência, quando freqüentou reuniões do Núcleo de Militares Espíritas na Escola de Campinas. Posteriormente, em Salvador iniciou seus estudos espíritas. Fundou junto com outros companheiros, em 1994, um Centro Espírita em Salvador. Trabalha como psicólogo clínico. Pós-graduou-se em Psicologia Junguiana e ministra cursos nesta área. É um dos diretores da Fundação Lar Harmonia, instituição filantrópica, com amplo trabalho no campo da assistência social, creche escola, oficinas profissionalizantes, escola integral, serviços médico e odontológico, balcão de justiça e cidadania, editora e ainda núcleo de psicologia e um centro espírita. A Fundação tem sua sede em Piatã, bairro da cidade de Salvador, na Bahia. www.larharmonia.org.br. É autor de vários livros sobre Psicologia e sobre Espiritismo, muitos deles disponíveis para download grátis. Adenáuer é orador espírita renomado. Conversamos com ele sobre Psicologia, Espiritismo, Espírito e ele nos atendeu com sabedoria e presteza:

Leia mais...

Orson Peter Carrara – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Um trabalho exemplar há mais de 70 anos

Entrevistamos a atual presidente da Associação Espírita Beneficente Dr. Adolfo Bezerra de Menezes, fundada em São Paulo, capital, em 1941. Mais de duas centenas de idosos acolhidos em suas unidades e milhares atendidos nesses anos todos. Maria é espírita desde 1970, é natural de Pompéia, no interior, e atualmente reside na capital. Técnica em Contabilidade e Gerente de RH, aposentada, vincula-se à mesma instituição, que preside. Suas respostas apresentam a dimensão do trabalho realizado.

1 - Quando foi fundado o Abrigo? Por quem? E já foi com finalidade específica de amparo à terceira idade desamparada?
A instituição foi fundada em 15/01/1941 por José Nascimento Bacelar.

José Bacelar era pedreiro e médium que recebia o Dr. Bezerra de Menezes em consultas espirituais. Foi a pedido dele que Bacelar junto com seus companheiros de ideal fundaram o

Abrigo Bezerra de Menezes.

2 - Que critérios nortearam a fundação?
A prática da caridade e do amor ao próximo, o exercício e a difusão da doutrina espírita sob todos os aspectos.

3 - Quantos idosos amparados atualmente? E há registros, desde a fundação, de quantas pessoas ficaram internadas na instituição?
Cerca de um total de 200 idosos de ambos os sexos nas unidades da Penha e de Itaquaquecetuba.
Nos 72 anos da instituição, milhares de idosos foram atendados.

Leia mais...

Orson Peter Carrara – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Exemplo prático no sudoeste paulista - União das casas, pela amizade, é o grande critério utilizado

Espírita de nascimento, natural de Itararé – onde também reside, no interior paulista, Maurício é cirurgião-dentista pela USP-Ribeirão Preto. Atua no Centro Espírita Fraternidade, que igualmente preside. Atual presidente também na gestão da USE Municipal de Itararé, e Vice-presidente da USE Regional Sorocaba, nosso entrevistado traz experiência prática de unificação.


1 - Situe a cidade de Itararé no contexto geográfico-econômico social e demográfico para o leitor.
Itararé é um município brasileiro situado no sudoeste do estado de São Paulo, fazendo divisa com o estado do Paraná, distando 350 Km da capital paulista. Sua base econômica é a agricultura e comércio. Atualmente conta com uma população de 47 939 habitantes, segundo o último senso.

Leia mais...

Orson Peter Carrara – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Uma abordagem psicológica sobre o Desejo

Como entender e disciplinar o desejo que emerge da intimidade individual?

André nasceu e reside em Ribeirão Preto, no interior paulista. De família espírita, tem formação em Psicologia, Ciências Sociais e Jurídicas pela UNESP. Professor de Interpretação de Texto nos Cursinhos SEB-COC e Objetivo, Psicoterapeuta Especialista, com formação pelo Instituto de Psicologia Fenomenológico-existencial do Rio de Janeiro. Vinculado à SEK – Soc. Espírita Allan Kardec da mesma cidade, é diretor de reuniões de estudos e conselheiro, além de ex-presidente da mesma instituição. Palestrante muito querido em sua região, entrevistamo-lo sobre a temática Desejo, sob o ponto de vista da psicologia.

1 - Há uma definição para a palavra DESEJO, sob o ponto de vista da psicologia?
Do ponto de vista etimológico, desejo vem do vocábulo latino "desiderium", "des"+"siderium", algo como "na direção das estrelas". Porém, com o tempo, embora tenha adquirido um conteúdo mais sofisticado, nunca perdeu o caráter de busca incessante, especialmente por algo difícil, proibido, inacessível, mas invariavelmente prazeroso.

Para os psicanalistas, grosso modo, o desejo é a expressão mais intensa do Id ou inconsciente (uma dimensão profunda do aparelho mental), resultado da busca inesgotável e irracional pela reprodução de experiências prazerosas (princípio do prazer), e que traz em si, amalgamadas, as pulsões de vida e de morte, uma vez que a satisfação do desejo representa a morte temporária desse mesmo desejo que, dentro em pouco, voltará à vida pedindo nova morte, num ciclo incessante e, não raro, obsessivo ou compulsivo, embora natural e inevitável em todo ser humano.

Para a fenomenologia existencial, particularmente em Heidegger, o desejo é parte do modo de "ser-no-mundo" próprio do "das-ein" ou, numa tradução aproximada do alemão para o português, “ser-aí”, ente cujo modo de ser está permanentemente em jogo no tempo, com outros entes “aí”, com outros entes simplesmente dados, com utensílios resultantes do universo da técnica, e em direção à morte. Kierkegaard, por sua vez, considera que o homem é desespero e angústia, transitando entre finito e infinito, real e eterno, desejos, escolhas e débitos (culpas) consequentes dessas mesmas escolhas, sendo o desejo elemento da paixão, único afeto realmente digno de atribuir verdadeiro sentido à existência.

Leia mais...

Orson Peter Carrara – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A Ciência, o cientista e o Espiritismo

Nascido em Goiania-GO e residente em São Carlos-SP desde 1978, nosso entrevistado é graduado em Física pela Universidade Federal de Goiás, possui Mestrado e Doutorado na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e trabalhou na PUC-Rio até final de 1977. Atualmente vincula-se ao Instituto de Física da USP São Carlos, como Professor e Pesquisador Senior.  Espírita desde 1962, é palestrante muito conhecido e está integrado à Obreiros do Bem, na mesma cidade onde reside. Submetemos ao amigo uma análise sobre os temas que trazemos na presente entrevista.

1 - Há como definir a ciência?
R. A ciência é o conhecimento ou um sistema de conhecimentos que abarca verdades as mais gerais e abrangentes possíveis bem como a aplicação das leis científicas derivadas, obtidas e testadas através do método científico. Nestes termos ciência é algo bem distinto de cientista, podendo ser definida como o conjunto que encerra em si o corpo sistematizado e cronologicamente organizado de todas as teorias científicas, bem como o método científico e todos os recursos necessários à elaboração das mesmas.


2-  E como situar o cientista?
R. O cientista é um fator essencial à ciência, e como qualquer ser humano, dotado de um cérebro imaginativo, criativo, crítico e também com sentimentos e emoções. O cientista certamente também tem suas crenças - convicções que podem ir além da realidade tangível, podendo mesmo ser, não raramente, um religioso convicto. Ao definirem-se ciência e cientista é relevante ressaltar que em seus trabalhos científicos saiba manter suas crenças separados de seus artigos científicos e das teorias científicas com as quais trabalha; constituindo-se estes dois elementos - ciência e cientista - certamente muito distintos.

Leia mais...

 

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...