Pais e filhos - Amor em ação


A criança é um ser espiritual, criado por Deus, ora vivendo no plano do Espírito, ora respirando num corpo material. A criança é antes de mais nada um Espírito reencarnado, uma alma que recomeça uma nova existência na carne.

Como ser espiritual, traz toda uma bagagem acumulada ao longo de sua trajetória evolutiva. Seu destino é toda a perfeição de que é suscetível e, para isso, conta com o tempo necessário, pois seu esforço de aperfeiçoamento não se circunscreve, apenas, a uma existência terrena. No corpo e fora dele, dá continuidade ao seu aperfeiçoamento e à sua caminhada na conquista da felicidade.

Precisamos entender bem a função própria do período infantil para avaliarmos a real importância da Evangelização Espírita Infanto-Juvenil. Afinal, por que Espíritos velhos, vividos, tantas vezes viciados em erros milenares, já donos de tantas experiências, precisam “entrar de novo no ventre da mãe” e se fazerem crianças outra vez?

  A função educativa da reencarnação – como nova oportunidade de refazer o destino, de aprendizagens diversas e de resgate de faltas passadas – perderia o sentido se o Espírito não fosse internado num corpo infantil.

Leia mais...


Todos os seres vivos exercem atração entre si através da Lei do Amor.


Nós aqui nascemos (ou renascemos) justamente para fazer florescer este nobre sentimento: o amor incondicional. É preciso também fazer germinar a parte intelectual e moral. Agindo assim, estaremos dando passos largos rumos à perfeição.
O amor é despertado dentro do seio familiar.

Claro está que hoje temos objetivos mais amplos do que aqueles que tínhamos, por exemplo, na Idade Média.
Naquela época, a vida era monótona, tudo era predeterminado. Tudo, tudo mesmo, ficava circunscrito ao casamento (muitas vezes, arranjado), criar os filhos e trabalhar.

O nosso lado instintivo ainda predominava bastante.

Hodiernamente, já se planejam as gestações, o número de filhos que se deseja ter. Agora é possível se dar mais atenção às necessidades dos filhos. Pelo menos, deveria ser assim… Mas, coisa incrível, né?! Quantas oportunidades são perdidas!!!

Muitos genitores, infelizmente, suprem a sua ausência, sua indiferença, com excessos de zelos e mimos para com as crianças. As cumulam de presentes, mas fica faltando o principal, que é carinho e afeto. Eles erram muito agindo assim.
Outra coisa – trabalhar é uma necessidade, mas não se justifica o distanciamento que certos pais apresentam, a barreira que criam em relação aos filhos. Justificam o seu distanciamento culpando o excesso de trabalho.

Leia mais...

 

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...