O que é o espiritismo?

Fonte: Portal do Espírito - Por: José Queid Tufaile Huaixan

Um dos fenômenos que chama a atenção dos observadores atentos é o bocejo que muitas pessoas apresentam quando estão nos centros espíritas. Muito já se falou a respeito, mas quase ninguém conseguiu dar uma explicação lógica para o fato. Em nossas reuniões mediúnicas observamos que nas ocasiões em que os médiuns estão sob má influência, eles bocejam com certa frequência. Alguma coisa acontece com a organização física-perispiritual dessas pessoas, provocando o fenômeno.

Leia mais...

Fonte: Letra Espírita - Por: Silvio Cardoso

A Doutrina Espírita, se apresenta de forma diferente de muitas manifestações científicas, filosóficas ou religiosas pelo fato de ter na sua origem, estudos de fenômenos que não são propriamente o principal objetivo deste movimento centrado na moral cristã, mas que tem seu papel fundamental por meio de estudo, trazer esclarecimento e através do avanço intelectual alavancar o avanço da moralidade dos seres habitantes do nosso planeta. Dentre estes fenômenos ditos espirituais, vale destacar o processo de obsessão, conhecido por causar influência comportamental perceptível ou não ao obsidiado dependendo do grau em que aconteça.

Leia mais...

Por  Ricardo Di Bernardi - Imagem: Pixabay

Toda energia cósmica absorvida, seja ela por qual fonte tenha sido veiculada até chegar a nós, se transforma e se, adapta a nossa estrutura, ou seja, passará após essa transformação e adaptação, a fazer parte de nossa energia pessoal, e contribuir para a nossa aura.

A energia que captamos de um ambiente ou de outra pessoa, ao chegar a nosso campo vibratório, passa a assumir as características vibratórias de quem a recebe e absorve. Essa energia- vinda de fora – será com maior ou menor facilidade modificada, conforme o campo mental da pessoa que está a receber as energias externas. Somos muito suscetíveis, é verdade, mas não inteiramente subordinados aos campos energéticos com os quais interagimos.

Leia mais...

Fonte: Letra Espírita - Por: Isabel Miranda

A maioria das pessoas já deve ter visto, preso em um poste ou num muro, o famoso cartaz que promete: “Trago a pessoa amada em 3 dias”.

Quem prega esse tipo de anúncio, em geral, cobra uma quantia exorbitante em troca de um ritual que, supostamente, fará com que a pessoa amada – independente de seus sentimentos, do seu estado civil, etc. – jogue-se nos braços do pagante.

Leia mais...

Fonte: Grupo Allan Kardec - Por: Therezinha Oliveira

I. LIVRE-ARBÍTRIO E DETERMINISMO
Filosoficamente, livre-arbítrio é a faculdade de livre determinação da vontade humana. Liberdade de pensar, ajuizar e, consequentemente, de escolher como quer agir.

E determinismo é o acontecimento de fatos sem que a pessoa possa ajuizar, escolher, usar a sua vontade, porque outras causas (internas ou externas) é que determinam o ato, mesmo que a pessoa tenha conhecimento de que é afetada pelo que acontece, sinta e reconheça a sua influência.

Leia mais...

A existência dos fatores predisponentes - causas cármicas - facilitam a aproximação dos obsessores, que, entretanto, necessitam descobrir o momento propício da sintonia completa que almejam.

Este momento tem o nome de "invigilância". É a porta que se abre para o mundo íntimo, facilitando a incursão de pensamentos estranhos, cuja finalidade é sempre o conúbio degradante entre mentes desequilibradas, o inevitável encontro entre credor e devedor, os quais não conseguiram resolver suas divergências pelos caminhos do perdão e do amor.

Leia mais...

A vida de Chico Xavier