fbpx
HomeInformativoArtigosA Lei Divina que nos conduz
Sábado, 13 Março 2021 17:05

A Lei Divina que nos conduz

 


Fonte:
Momento Espírita 

Alguns fatos ocorrem, no mundo, que nos levam a questionar o porquê de acontecerem.

Eles nos surpreendem e, muitas vezes, nos é difícil entender suas razões mais profundas.

Um rapaz, que mora em Fortaleza, no Ceará e outro, que reside em Uberaba, Minas Gerais, se encontraram graças a uma conexão de Internet.

A primeira videochamada foi um choque duplo pela semelhança física que descobriram.

Gabriel, um dos rapazes, disse que foi um misto de sentimentos, que o deixou como que anestesiado. Ao mesmo tempo, se sentiu invadido por uma paz interior, surpreso pela descoberta de um gêmeo.

Confessou que a vida inteira sentiu falta de si mesmo, um sentimento de perda.

Esse achado lhe conferiu um novo sopro de vida.

Na continuidade das pesquisas que empreenderam, descobriram serem irmãos gêmeos que, ao nascerem, foram dados em adoção, pela absoluta falta de condição dos seus pais biológicos.

O passo seguinte foi descobrir o paradeiro deles e encontraram a mãe.

Enquanto, para alguns, a descoberta de algo semelhante, pudesse gerar ressentimento ou desamor, ambos se mostram agradecidos pela vida que lhes foi dada.

Compreensão pela decisão dos seus pais é outro ponto positivo. Afinal, como podem, depois de décadas passadas, julgar o que seus pais, jovens, inexperientes, estavam vivendo quando nasceram?

Importante é que lhes permitiram nascer e, mesmo que não tenham ficado com eles, encontraram corações que os amassem.

O que ambos mais desejam, agora, é sentir o poder do abraço, o bater dos corações que foram gerados juntinhos, mas que foram separados, após o nascimento.

Um reencontro presencial que deverá se dar, um dia, passada a pandemia que ora vivemos.

****

Por mais desconhecidas que ainda sejam, existem forças maiores que nos encaminham para o encontro ou reencontro com nossas almas queridas.

Importante conhecermos o funcionamento dessas leis maiores da vida, Leis Divinas que nos direcionam, tanto na Terra como no mundo dos Espíritos.

Todos temos uma programação espiritual para a temporada que passamos neste mundo, junto à nossa família, ou dela separados...

As circunstâncias que mudam a direção dos nossos passos têm seu objetivo e o seu porquê, embora, nem sempre acessíveis ao nosso conhecimento imediato.

Termos essa certeza de que em tudo há uma ordem superior, que rege nossas vidas nos confere calma e aceitação.

O Mestre de Nazaré nos deixou a lição do amor ao próximo, do perdão aos que nos ferem, a recomendação de fazermos aos outros o que gostaríamos que nos fizessem.

Somos todos irmãos, filhos do mesmo Pai, que é Deus.

No encontro dos gêmeos e o reencontro com a mãe biológica, vemos que podem se considerar membros de três famílias que se unem por amor a eles.

Um treino para a união da família maior, a família universal à qual todos pertencemos.

A Lei Divina conduz vidas e ilumina consciências, e todos caminhamos direcionados por Seu amor.

Gratidão pela vida, gratidão pelo amor recebido, gratidão pelas agradáveis surpresas da vida, é o sentimento que deve reger nossa intimidade.

Redação do Momento Espírita,
com base em fatos.
Em 6.3.2021.

Last modified on Sábado, 13 Março 2021 17:09

A vida de Chico Xavier

Cadastre no nosso informativo

Informativo

  • Os que foram para o lado de lá e voltaram para contar




    Fonte:
    Vozes Espíritas - Por: Wellington Balbo

    A médica suíça Elisabeth Kübler Ross (08 de julho de 1926 – 24 de agosto de 2004), passou décadas ao lado de pacientes em estado terminal. Sua experiência a fez escrever o livro “Sobre a morte e o processo de morrer”, em que apresenta o modelo de Kübler Ross a informar familiares e amigos de doentes terminais na melhor maneira de conviver com a situação.

    Read more...
  • A morte dói?

     




    Por:
    Orson Peter Carrara

    Quando morre alguém, sentimo-nos todos tomados por um sentimento de perda e dor. É natural, gostamos da pessoa e desejamos que continue vivendo conosco. Mas, a morte é a única certeza da vida e está enquadrada nos acontecimentos normais da existência de todo mundo. A todo instante, partem jovens e velhos, sadios e enfermos…

    Read more...
  • O tempo no plano espiritual

     




    Fonte:
    Letra Espírita - Por: Juliana Procopio

    É muito comum em momentos de despedidas após o desenlace de um ente querido ou uma pessoa conhecida que esteve doente, por exemplo, ouvirmos as pessoas se referirem a quem partiu com a expressão, “em fim descansou”.

    Read more...
  • A saúde pode ser afetada pela obsessão?




    Fonte:
    O Consolador - Por: Orson Peter Carrara

    Desafio está em conhecer a origem dos casos

    Uma interessante matéria publicada por Allan Kardec na Revista Espírita (1) utiliza a expressão loucura obsessional. O texto, que recomendamos aos leitores, é um estudo sobre os Possessos de Morzine, uma localidade em determinada região francesa, alvo de carta endereçada ao Codificador pelo capitão B. (membro da Sociedade Espírita de Paris e naquele momento radicado na cidade de Anecy). Allan Kardec publicou a carta na edição de abril (2), seguida de instruções dos Espíritos Georges e Erasto e ainda acrescentou lúcido comentário sobre a questão. Depois, na edição de dezembro (3), voltou ao assunto, desdobrando-o em bem argumentada análise.

    Read more...
  • Depressão em jovens e adolescentes




    Fonte:
    Correio Espírita - Por: Fátima Moura

    Tenho ouvido muitos relatos de pais e familiares preocupados. A depressão entre jovens, adolescentes e até crianças parece estar aumentando de modo assustador e o assunto também tem sido focado em nossas palestras, sempre que somos convidados a falar sobre temas ligados à família.

    Read more...

Clube do livro




Todo mês um livro novo em sua casa.
Clique aqui e cadastre-se.

Clube do livro



Conheça nosso clube do livro.


Receba todo mês um livro na sua casa.


Cadastre-se aqui para aproveitar.

Contato